Ordem dos Médicos Veterinários
Conselhos Regionais
C. Regionais
Orgãos
Conselho Regional Norte
Contactos

Tlf. +351 253 192 024
Fax. +351 253 192 232
Tlm. +351 929 049 226

Email

crnorte@omv.pt

Morada

Avenida D. João II, Lj 59, Nogueiró
4715-303 Braga

Horário

de 2ª a 6ª, das 10:00 às 13:00 e das 14:30 às 18:30

Conselho Regional Centro
Contactos

Tlf. +351 239 820 097
Fax. +351 239 822 618

Email

crcentro@omv.pt

Morada

Estrada de Coselhas, Edifício Vale Formoso, Lote 2, 1ºA
3000 Coimbra

Conselho Regional Sul
Contactos

Tlf. +351 213 567 000
Fax. +351 213 567 009

Email

crsul@omv.pt

Morada

Rua Filipe Folque, 10J, 4ºDto
1050-113 Lisboa

Horário

de 2ª a 6ª das 9:30 às 13:00 e das 14:00 às 17:30

Conselho Regional Madeira
Contactos

Tlf. +351 291 242 008
Fax. +351 291 098 231
Tlm. +351 962 264 306

Email

crmadeira@omv.pt

Morada

R. Direita, nº35, 2º, Loja I - Arcadas do Pelourinho
9050-450 Funchal

Horário

2ª, 4º e 6ª feira das 10:00 às 12:00 (via online)
3ª e 5ª feira das 10:00 às 12:00 (presencial)

Conselho Regional Açores
Contactos

Tlf. +351 296 286 177
Fax. +351 296 098 098

Email

crazores@omv.pt

Morada

Rua Machado dos Santos, 96 - 1º andar
9500-083 Ponta Delgada

Horário

de 2ª a 6ª das 09:30 às 12:30

Conselho
Profissional e
Deontológico
Contactos

Tlf. +351 213 129 370

Email

cpd@omv.pt

Morada

Rua Filipe Folque, nº 10 J, 4º dto
1050-113 Lisboa

Horário

de 2ª a 6ª das 09:30 às 12:30

Assembleia
Geral
Contactos

Tlf. +351 213 129 370

Email

ag@omv.pt

Morada

Rua Filipe Folque, nº 10 J, 4º dto
1050-113 Lisboa

Horário

de 2ª a 6ª das 09:30 às 12:30

Conselho
Fiscal
Contactos

Tlf. +351 213 129 370

Morada

Rua Filipe Folque, nº 10 J, 4º dto
1050-113 Lisboa

Horário

de 2ª a 6ª das 09:30 às 12:30

Gabinete
Jovem
Email

gabinete.jovem@omv.pt

Morada

Rua Filipe Folque, nº 10 J, 4º dto
1050-113 Lisboa

Horário

de 2ª a 6ª das 09:30 às 12:30

OMV promove Apoio Solidário ao pastor do rebanho atingido por relâmpago em Arcos de Valdevez

OMV promove Apoio Solidário ao pastor do rebanho atingido por relâmpago em Arcos de Valdevez

Como é do conhecimento público, no passado dia 9 de abril, um relâmpago matou 68 cabras de um rebanho de um pastor – Dario Gonçalves de Lima – nos montes de Gondoriz, Arcos de Valdevez.
A morte destes animais significa uma perda económica direta de aproximadamente 5000,00€, sem contar com as crias que estariam para nascer.
Os animais são de raça autóctone bravia e não existindo muitos exemplares, é muito difícil conseguir a reposição do efetivo. Conseguir essa reposição até ao dia 30 de abril de 2021 é uma tarefa impossível. Este é o prazo limite determinado pelo IFAP para a contabilização do efetivo para a atribuição das ajudas financeiras. Até ao dia 30 de abril, dificilmente alguém vende um animal.
Não contando com estes 68 animais no dia 30 de abril, o pastor Dario perde aproximadamente 1000,00€ de ajudas diretas e não consegue candidatar-se às medidas agroambientais de apoio às raças autóctones, perdendo nos próximos dois anos um valor aproximado de 4000,00€.
São 10000,00€ de prejuízo provocado por um evento meteorológico inédito e que tem um impacto tremendo na atividade e condições económicas do Dario.
São explorações como as do Dario que contribuem para a manutenção do património genético destas nossas raças autóctones, para a gestão da paisagem e eliminação de matéria combustível, prevenindo incêndios rurais, bem como para a fixação de pessoas em territórios desfavorecidos e que geram e retêm valor nestas áreas, sob a forma de produtos alimentares de elevado valor e que são eles também parte do nosso património histórico e cultural.
A Classe Médico-Veterinária, que é naturalmente generosa, altruísta e solidária, reconhece a importância de explorações como esta e de homens como o Dario e desde a primeira hora manifestou a vontade de ajudar.
Dando forma a este sentimento da Classe Médico-Veterinária, a Ordem dos Médicos Veterinários entendeu disponibilizar uma conta solidária para que todos os que queiram ajudar o Dario a recuperar os seus animais perdidos possam enviar os seus donativos.
Além de efetivar o desejo solidário dos seus membros, a Ordem dos Médicos Veterinários entendeu estender este apelo para fora da classe e disponibiliza uma conta solidária, para onde todos os que queiram ajudar o Dario e a sua exploração a recuperar desta tragédia, possam fazer os seus donativos.

Créditos imagem: jn.pt

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter para se manter a par das novidades acerca da Ordem dos Médicos Veterinários.

Subscrever Newsletter